Baixa de clientes: dicas para ocupar seu tempo de forma produtiva

Não podemos começar este artigo de outra forma que não dizendo o seguinte: ter períodos de baixa de clientes, ou seja, quando as demanda são poucas, é totalmente normal na vida de um freelancer.


A nossa carreira como profissionais autônomos é cheia de altos e baixos, algo que algumas pessoas consideram uma desvantagem, já que pode causar bastante ansiedade, e outras uma vantagem, uma vez que mantém você sempre em movimento e em busca de novas oportunidades. De uma coisa é certa: você dificilmente ficará entediado(a), rs.


Dito isso, acreditamos ser bastante importante preencher os momentos de mais tranquilidade dos seus trabalhos com algumas atividades que vão contribuir não só para você conseguir ter mais clientes em breve, como evitar que você fique paralisado(a) pelo medo de não conseguir novas demandas. Sentir-se produtivo(a), nestes períodos, é algo extremamente essencial.


Sem falar que esta é a oportunidade de estruturar a sua mini empresa, construindo e gerindo a sua marca pessoal, organizando seus serviços e estruturando processos internos, por exemplo.


Vamos às dicas que separamos:



Faça uma mentoria de marca pessoal - ou estude como criar a sua


Esse deve ser o ponto de partida de qualquer estratégia para captação de novos clientes. Afinal, uma mini empresa bem estruturada consegue demandas com mais facilidade, já que passa credibilidade e seriedade.


Assim, aproveite este momento para fazer uma mentoria de marca pessoal ou mesmo pesquisar em diferentes sites como você pode estruturar a sua. São vários itens importantes para serem levados em consideração, portanto, faça esse processo com calma e no seu tempo.


Organize seu LinkedIn, portfólio e/ou site profissional


Outro cuidado importante que faz toda a diferença nos momentos de baixa de clientes é deixar toda a sua "casa virtual" organizada, sobretudo nos pontos de contato com futuros clientes.


Por isso, faça uma revisão completa no seu LinkedIn, portfólio e, se possível, endereço profissional. Inclusive, o período de mais tranquilidade de trabalhos é ideal para explorar plataformas de criação de sites, caso você ainda não tenha condições de investir no trabalho de um profissional.


Invista na sua capacitação e profissionalização


Se você gosta de estar sempre estudando e se atualizando sobre o mercado, aproveite esse período para fazer todos os cursos e ler todos os livros e e-books que tenha vontade. Afinal, pode ser que, no futuro, você não tenha tanto tempo disponível para se capacitar como profissional.


Inclusive, se você trabalha com produção de conteúdo, a dica é conferir os cursos oferecidos pela Bruna Cosenza, uma das criadoras do Universo Freela. Clique aqui para ver!


Além disso, este é o momento de cuidar das etapas da profissionalização da sua carreira. Nós escrevemos um e-book GRATUITO com tudo o que você precisa saber sobre isso. Basta clicar aqui para fazer o download.


Em resumo: este é o período de cuidar de toda a estrutura da sua mini empresa e da carreira que você está criando.


Produza conteúdo para o seu LinkedIn


É nesta rede social que podem estar os seus futuros clientes e parceiros de trabalho. Mas eles só vão descobrir quem você é se, de alguma forma, você chegar até eles. Para isso, produza conteúdo com qualidade, frequência e alinhado com as estratégias de marca pessoal que você definiu lá no primeiro item.


Além disso, não se esqueça de fazer networking, conectando-se com profissionais que você sinta que possa contribuir e comentando nas postagens de outras pessoas. Contudo, não se esqueça: seja interessante, e não interesseiro.


A prospeção pelo LinkedIn é algo mais a longo prazo. Mas você precisa começar de algum jeito, certo? E, com certeza, os resultados futuros serão bastante interessantes.


Em tempo: temos um episódio do Universo Freela só sobre esse assunto. Clique aqui para escutar!


Inicie as suas prospecções de forma mais ativa


Por fim, comece o processo de pesquisar profissionais e empresas que você possa oferecer os seus serviços. Faça uma análise da situação atual desse possível cliente e deixe claro como você pode contribuir para que ele atinja seus objetivos.


Nesse momento, lembre-se de escrever e-mails e mensagens personalizadas e que mostrem toda a sua experiência e os seus conhecimentos. Não se esqueça de incluir seu site e/ou portfólio para que a pessoa possa conhecer mais sobre a sua história.


Percebe como as etapas anteriores se encaixam para que essa prospecção seja mais assertiva?


O mais importante é não ficar parado(a)!


Quando você quer atingir algum objetivo, precisa movimentar as energias certas ao seu redor para que consiga estar cada vez mais perto dele.


Portanto, se você está passando por um período de baixa, aproveite para investir na sua empresa e em você, preparando-se para as próximas demandas que logo chegarão.


Só não desista, tudo bem? Se pudermos ajudar com alguma coisa, é só enviar uma mensagem!


 

SOBRE O universo freela


O Universo Freela foi criado por Ana Luísa de Oliveira e Bruna Cosenza. Por aqui , você encontra conteúdos nos mais diversos formatos com o objetivo de orientar, informar e inspirar todos os que desejam trabalhar como profissionais autônomos. Queremos ajudar você a realizar o seu sonho de ter uma carreira freelancer sustentável, com muito mais empoderamento e liberdade. Acompanhe as novidades em nosso Instagram, @universo.freela, e cadastre-se na nossa newsletter para receber conteúdos exclusivos.

29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo